Carrinho
Lua de Marfim | Refém das Marés
16098
product-template-default,single,single-product,postid-16098,woocommerce,woocommerce-page,ajax_fade,page_not_loaded,,side_menu_slide_with_content,width_470,columns-4,qode-theme-ver-9.1.3,wpb-js-composer js-comp-ver-4.8.1,vc_responsive
 

Loja

Refém das Marés

25.00

Dinis Ermida

150 em stock

REF: 9789898844194 Categorias: ,
Descrição

Título: Refém das Marés
Autor: Dinis Ermida
Chancela: Andorinha Editorial
Género: Romance
Ano: 2016
ISBN: 978-989-8844-19-4
Formato: 16 x 24 cm
Páginas: 512
P.V.P.: 25,00 €

A jornalista de televisão mal conseguia respirar tranquilamente. Dentro de momentos — muito poucos momentos — entraria no edifício e sentar-se-ia à sua frente um dos homens mais requisitados do mundo, um atleta profissional que, mercê das suas façanhas nos estádios, se tinha guindado em poucas semanas à categoria de celebridade internacional, com uma incomensurável legião de adoradores em todo o planeta. E aquela entrevista, que seria transmitida pelo seu canal em directo e depois vendida em todos os continentes, seria muito possivelmente o ponto mais alto da sua carreira, ou pelo menos uma fortíssima rampa de lançamento, que lhe abriria as portas dos grandes canais noticiosos internacionais. O seu grande sonho desde pequena. Deu mais um dos seus célebres raspanetes à maquilhadora de serviço porque queria transparecer na entrevista como uma profissional séria, dedicada e insensível à dimensão da celebridade do homem que ia responder às suas perguntas. Preparava-se para modular a voz e fazer as suas perguntas num estilo frio, penetrante e dogmático, que sentia conferir-lhe um estatuto elevado como jornalista. Mas a voz era, para sua irritação e pânico, precisamente aquilo que lhe faltava. Estava a deixar transparecer o seu nervosismo… e entusiasmo. A garganta prendia-se-lhe como se lhe fosse roubar a respiração para sempre. Quando falava, o tom subia, descontrolado, a um súbito agudo, que ela sabia ser um sinal bem visível do seu estado de ansiedade. As palpitações no peito e o suor na testa estavam imparáveis. A cada minuto pareciam dominá-la cada vez mais… e o calor dos holofotes do estúdio, dali a pouco, não ajudaria nada.
O que se preparava para fazer dentro de minutos… mudaria a vida dela para sempre.
E, possivelmente, a de milhões de pessoas.

Avaliações (0)

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Refém das Marés”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *